Por que tem gente que não leva Deus a sério?

Por Dayane Cristina

Por que tem gente que não leva Deus a sério?Para algumas pessoas, crer em Deus e ter uma vida fundamentada em valores cristãos não é algo normal. Outro dia, em um dos meus momentos reflexão, veio um questionamento: por que tem gente que, apesar de acreditar na existência de Deus, não o leva a sério? Creio que há vários motivos. Talvez a pessoa (principalmente se for intelectual) não queira assumir a crença em um Ser invisível. Pode ser, também, que a vontade de levar a vida de qualquer jeito, sem seguir mandamentos, fale mais alto. Ou, talvez, a pessoa não queira ter que amar a todos como a ela mesma nem dividir a honra com ninguém.

Pessoas racionais e muito ligadas à ciência parecem ter uma tendência maior a não acreditar na existência de Deus. Mas acredito que a maioria delas crê. O fato é que afirmar isso pode ser constrangedor para essas pessoas. Elas até têm vontade de ter um relacionamento mais profundo com Deus, mas assumir isso pode ser motivo de “chacota” para os amigos. Afinal, como se relacionar com alguém, para alguns, sobrenatural? Deus pode até não ser visto nem provado pela ciência, mas Ele pode ser sentido. O que dizer a quem insiste na inexistência dEle? ‘Não afirme isso sem antes dar uma chance a você mesmo de experimentá-Lo’.

Deus não deixou mandamentos para limitar as pessoas, mas para livrá-las do mal e dar a elas a chance de ter uma vida equilibrada. Alguns podem dizer: “ah, crente não pode fazer isso ou aquilo”. (Antes de continuar, quero lembrar que ‘crente’ significa ‘aquele que crê’. Ou seja, qualquer pessoa que crê em qualquer coisa é crente. Portanto, essa palavra não deve ser usada em referência, exclusivamente, a cristãos evangélicos). Na verdade, a expressão “não pode” é meio assustadora. “Como assim não posso fazer algo com meu próprio corpo, mente e alma?”, alguns questionam. A Bíblia diz que tudo é lícito, mas nem tudo convém. Então, a melhor escolha é aquela que mantém o corpo, a alma e o espírito saudáveis. E é isso que todo cristão faz (ou deveria fazer).

O maior mandamento é amar

Para ser um cristão é preciso, sim, seguir alguns mandamentos. Os principais deles são: amar a Deus de todo o coração, alma, entendimento e força e amar ao próximo como a si mesmo (Marcos 12:30-31). Esses podem ser alguns dos motivos pelos quais alguém não leva Deus a sério. “Não dá pra amar todo mundo”, alguns afirmam. Mas é possível, sim, amar sem exceção. Porque amar é uma escolha, é incondicional.

Na questão da divisão de honra, a maioria dos seres humanos (senão todos) gosta de ser reconhecida pelas ações que faz. Até um certo ponto, isso é bom. Mas pode ser prejudicial, se alguém quiser esse reconhecimento para alimentar o próprio ego e engrandecer a si mesmo.

Acredito que algumas pessoas não assumem a autoridade e o controle de Deus sobre a vida delas para que a honra de tudo o que elas fizerem seja dada a elas mesmas. O “eu” precisa de atenção a todo momento: “eu sei”, “eu posso”, “eu sou demais”.

Se não é a misericórdia de Deus se renovando sobre nossas vidas a cada dia, não podemos nada! É Ele quem nos ensina, capacita e usa. Portanto, toda honra e glória devem ser dadas a Ele!

_____

Dayane CristinaDayane Cristina é estudante de Jornalismo, estagiária na REDE SUPER
dayane.cristina@redesuper.com.br
@dayanecristinan


4 Comentários

  1. Odaildo Almeida

    Amem, é verdade

  2. Queila Marques

    Que texto claro e objetivo. Conseguiu em poucas palavras expressar o que sinto também. Que o espírito continue te capacitando e te dando sabedoria do alto.

  3. Juliano Emilio

    gostei ler isso aprendi bastante…!!!

  4. Rose

    gostei muito do seu texto, aprendi muito.Deus abençoe sua vida.

 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.