Intimidade não é religiosidade

– Por Welbert Emery

IntimidadeNesta semana, meditei bastante em uma canção que diz: “Momentos de silêncio assim, ninguém por perto… Uma voz dentro de mim me faz querer mais… E te querer mais a cada dia”. Fiquei pensando na importância de termos um relacionamento com o Pai celestial.

Ao conversar com a mulher samaritana – no livro de João 4: 21 a 23 – Jesus diz: “Mulher, crê-me que a hora vem, em que nem neste monte, nem em Jerusalém adorareis o Pai… Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade”. (Aleluia!) Deus é Espírito. E é necessário adorá-Lo em espírito e em verdade.

Que você tenha o coração aberto para entender que esse momento de intimidade com o Espírito Santo faz parte da nossa geração. Portanto, te convido a sair do “lugar” que limita o seu relacionamento com Pai: às vezes, é o desemprego, a fadiga ou o seu namorado (a), que não tem deixado você se relacionar intimamente com Deus. Mas você, somente você, poderá interromper todas as coisas que te prendem e se prostrar para ouvir à doce voz do Espírito de Deus.

Jesus te convida a viver sem as máscaras do falso relacionamento com Ele, afinal, intimidade não é religiosidade.

Que Deus te abençoe.

—–
—–

Welbert EmeryWelbert Emery é estudante de Jornalismo e estagiário na REDE SUPER
welbert.rodrigo@redesuper.com.br


1 Comentário

  1. Andreia Mamede

    eu quero ter intimidade contigo SENHOR

 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.