Vinte e três cristãos são libertados na Síria

Por Michelle Ferraz

Ataques aéreos atingem Estado Islâmico na Síria após captura de 200 cristãosUm grupo de 23 cristãos sequestrados pelo Estado Islâmico (EI) foi libertado nos últimos dias 2 e 3 de março, informou a Missão Portas Abertas. Os prisioneiros foram levados pelo EI após uma ofensiva do grupo extremista que esvaziou um conjunto de aldeias cristãs no nordeste da Síria, no final de fevereiro.

No dia 2, o EI liberou 19 pessoas com idade na faixa de 50 anos ou mais, todos civis de uma mesma aldeia. Já no dia 3, os extremistas liberaram mais quatro reféns, incluindo uma menina de seis anos e sua tia-avó. Líderes árabes sunitas locais teriam auxiliado nas negociações.

De acordo com um dos reféns libertados, durante o tempo em que foram mantidos presos, os cristãos passaram pelo menos cinco dias sob forte pressão para que se convertessem ao islamismo. “Não fomos agredidos fisicamente, mas pressionados constantemente a nos converter ou pagar o ‘jizya’ (imposto para não se tornar muçulmano)”, explicou o ex-refém em entrevista ao World Watch Monitor. Depois disso, os extremistas teriam concordado em não cobrar impostos e em liberar os reféns, com a condição de que não voltassem à aldeia de onde foram sequestrados, sob ameaça de morte em caso de desobediência.

Apesar das libertações, as intenções dos extremistas em relação a cerca de 220 outros cristãos que permanecem como reféns são obscuras.

_____

Com informações de Portas Abertas


 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.