[Tanzânia] Professor cristão é morto durante vigília de oração

Redação Rede Super

Bandeira da TanzâniaUm professor de 31 anos, identificado como Dioniz Ng’wandu, foi morto no último dia 9 enquanto participava de uma reunião de oração na Igreja Assembleia de Deus em Bukoba, região noroeste da Tanzânia. O pastor da igreja, Faustine Joseph, um homem chamado Temistores, de 25 anos, e um terceiro homem não identificado também participavam da vigília. De acordo com Faustine, homens desconhecidos invadiram o templo, feriram Temistores e mataram Dioniz exatamente no momento em que ele e o outro homem deixaram a reunião.

Temistores contou que não se lembra de nada além de homens mascarados ordenando-lhe que não se movesse. Nada na igreja foi roubado ou destruído durante o ataque. Fontes locais dizem que os criminosos tiveram acesso fácil à igreja, porque o prédio ainda está em construção e não tem janelas ou portas.

O pastor Faustine afirma que extremistas muçulmanos em Bukoba têm ameaçado os membros da igreja e juram diminuir o número de cristãos na região. Bukoba é uma cidade de maioria muçulmana. Cerca de 100 mil islâmicos vivem nas margens do Lago Vitória na fronteira com Kigoma, local que é considerado um centro do extremismo muçulmano.

Autoridades locais abriram uma investigação criminal. Dioniz foi sepultado em sua casa, no dia 12 de outubro. Ele deixa a esposa, Faith, e dois filhos, Michael, de 4 anos, e John, de 2 anos.

_____

Com informações de Portas Abertas


1 Comentário

  1. Estou muito longe daí do Brasil mais aprecio muito o trabalho que a igraja esta a levar a cobo força ai e muita coragem. Jesus antes de partir avisou-no que; no mundo teres aflições mais tenhem bom animo que eu venci o mudo. Todo poder ele nos deu, se confiarmos nele somos mais que vencedores

 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.