Quase 100 mil crianças viajaram sozinhas para a Europa em busca de asilo em 2015

Por Abner Faustino

Quase 100 mil crianças viajaram sozinhas para a Europa em busca de asilo em 2015

Foto: Pixabay

De acordo com o relatório anual do Escritório Europeu de Apoio ao Asilo (Easo, na sigla em inglês), cerca de 96 mil crianças desacompanhadas pediram asilo na União Europeia em 2015. Esse número representa quase quatro vezes mais que os pedidos realizados por crianças sozinhas em 2014.

Leia também:
Refugiado sírio fala sobre nova vida na Alemanha: “parece que me esqueci de como sorrir”

Desde 2008, cerca de 198.500 menores não acompanhados entraram na Europa em busca de asilo, de acordo com dados da Eurostat, agência de estatística da União Europeia. O primeiro grande salto veio em 2014, quando o número de menores não acompanhados que procuraram asilo na UE passou de de 13.800 para 23.200. Um ano mais tarde, em 2015, o total quadruplicou para um recorde de 96.000. Cerca de 7% de todos os pedidos de asilo em 2015 foram feitos por crianças desacompanhadas, o número mais elevado desde que os dados começaram a ser registrados, em 2008.

A Europa não está sozinha quando se trata de migração infantil. Nos EUA, o número de crianças desacompanhadas apreendidas, entre outubro de 2015 e março de 2016, foi de 27.754, de acordo com a organização norte-americana Pew Research Center. Mais da metade dos detidos na fronteira México/EUA eram dos países da América Central El Salvador, Guatemala e Honduras.

Em ambos os estudos, a maioria eram adolescentes de 14 a 17 anos de idade, do sexo masculino. Na Europa, de 2008 até 2015, quatro em cada dez crianças saíram do Afeganistão, o que representa 76.700 crianças afegãs. Outros países que sofreram com a saída de menores foram a Síria (19.300), Somália (13.200) e Eritreia (11.600); nos dois últimos, as crianças precisaram passar por regiões em conflitos e enfrentar uma perigosa viagem no mar Mediterrâneo.

Os menores, nem sempre, pedem asilo no primeiro país europeu que entram. Pelo menos 58.500 (29,47%) dos pedidos de asilo de crianças desacompanhadas aconteceram na Suécia, no norte da Europa. Por outro lado, os pedidos no Reino Unido diminuíram de 32%. em 2008, para 3%, em 2015.


 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.