Padre é degolado em igreja na França; Estado Islâmico reivindica ataque

Por Abner Faustino

Dois militantes do Estado Islâmico degolaram um padre com uma faca e feriram um fiel em uma igreja na Alta Normandia, no norte da França, nesta terça-feira (26). Os islâmicos foram mortos pela polícia. O presidente francês, François Hollande, disse que o ataque foi cometido por terroristas leais ao grupo radical Estado Islâmico.

Padre é degolado em igreja na França; Estado Islâmico reivindica ataque

Padre Jacques Hamel tinha 84 anos (Foto: Reprodução)

“O Estado Islâmico declarou guerra contra nós, precisamos lutar esta guerra de todas as maneiras, enquanto respeitamos o estado de direito, que nos torna uma democracia”, disse o presidente da França à agência de notícias Reuters.

Cinco pessoas estavam na igreja de Saint-Etienne-du-Rouvray quando os terroristas entraram no templo. Três foram libertadas sem nenhum dano físico e uma quarta, um fiel da igreja, estava entre “a vida e a morte”, comunicou Pierre Henry Brandet, porta-voz do ministério do Interior. O padre Jacques Hamel, de 84 anos, teve a garganta cortada pelos terroristas.

“Em certo ponto, os dois agressores saíram da igreja e foi aí que foram mortos por forças especiais da polícia francesa”, disse Brandet à rádio France Info.

O ataque à igreja aconteceu 12 dias após o atentado em Nice, no sul da França, quando um tunisiano atropelou uma multidão com um caminhão, matando 84 pessoas. O Estado Islâmico reivindicou o ataque.

Em comunicado, o papa Francisco expressou “dor e horror” pelo ataque à igreja na França. “Estamos particularmente abalados por esta violência horrível ocorrida em uma igreja, um lugar sagrado no qual se anuncia o amor de Deus”, disse o comunicado do Vaticano.

____

Com informações da Reuters


 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.