ONU: 2 milhões de refugiados enfrentam crise alimentar na África

Redação Rede Super*

A ONU alertou, nessa segunda-feira (20), que cerca de 2 milhões de refugiados enfrentam escassez crítica de alimentos em dez países africanos.

“Não podemos imaginar como a vida é difícil para milhares de refugiados sem comida e que, muitas vezes, não conseguem arranjar trabalho”, disse o alto-comissário das Nações Unidas para os refugiados, Filippo Grandi.

Segundo um comunicado emitido pelo Programa Mundial de Alimentos (PMA) e pela Agência da ONU para Refugiados (Acnur), a chegada de suplementos alimentares foi consideravelmente reduzida em operações de assistência na África. Essa redução tem tido um impacto devastador na saúde e na nutrição de milhares de famílias.

O número de refugiados na África quase dobrou, passando de 2,6 milhões, em 2011, para cerca 5 milhões, em 2016, de acordo com dados da Acnur.

_____

*Com informações da ONU

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.