Estado Islâmico é principal suspeito de atentado que matou 41 pessoas no maior aeroporto da Turquia

* Por Abner Faustino

Três homens abriram fogo contra inocentes no aeroporto de Ataturk, em Istambul, na noite dessa terça-feira (28), e depois se explodiram na entrada principal do aeroporto, que é o maior da Turquia e o terceiro mais movimentado da Europa. De acordo com o governo local, 41 pessoas morreram e outras 239 ficaram feridas. Há suspeita de que o Estado Islâmico (EI) seja responsável pelo ataque.

O atentado foi o mais grave de uma série de ataques suicidas que assola a Turquia nos últimos meses. O país faz parte de uma coalisão com os Estados Unidos para conter o EI e a guerra na vizinha Síria. “Espero que o ataque ao aeroporto de Ataturk seja um ponto de virada na luta comum em todo o planeta, com os países ocidentais a liderar, contra as organizações terroristas”, disse o presidente da Turquia, Tayyip Erdogan em nota oficial.

Imagens de circuito de segurança mostraram um dos terroristas sendo baleado no interior do terminal por um policial. Após cair no chão, o agressor se explodiu.

O governador de Istambul, Vasip Sahin, disse que 13 dos 41 mortos são estrangeiros. Em página oficial no Facebook, o Ministério das Relações Exteriores do Brasil divulgou que nenhum brasileiro está entre as vítimas do atentado.

O aeroporto foi reaberto na manhã desta quarta-feira (29) e os funcionários ainda estão limpando a destruição causada pelos terroristas. Em 2015, 61 milhões de pessoas passaram por Ataturk, ficando atrás na Europa apenas do aeroporto de Heathrow, em Londres, e do Charles de Gaulle, em Paris.

Em maio de 2016, o exército turco fez ataque a bases do Estado Islâmico na Síria, matando 34 pessoas ligadas ao grupo radical.

____

*Estagiário sob supervisão


 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.