Comunidades cristãs sofrem ataques na Nigéria

Redação Rede Super

Nas últimas semanas, a Nigéria tem registrado um grande número de ataques contra cristãos. As investidas acontecem principalmente em Benue, estado localizado no centro-leste do país, onde mais de 130 pessoas foram mortas. Há, ainda, registros de propriedades saqueadas, incluindo igrejas. As informações são do portal da Missão Portas Abertas.

Segundo a organização, em fevereiro deste ano, Benue já havia sofrido ataques violentos cometidos por fazendeiros nômades, que, na ocasião mataram mais de 500 pessoas, sendo a maioria cristãos. O ataque foi considerado um dos piores realizados pelo grupo desde 2010.

De acordo com a Associação Cristã da Nigéria, os conflitos não têm apenas um fundo de questões econômicas, mas envolvem, também, questões religiosas.”Sabemos que se trata de mais uma jihad [guerra santa], como aquela que foi travada pelo Boko Haram no norte do país. Eles transportam armas sofisticadas e utilizam até mesmo armas químicas para destruir nossas comunidades. A guerra acontece normalmente à noite, quando todas as pessoas estão dormindo. A população está fugindo, as igrejas estão ficando vazias. Onde havia cerca de 2 mil membros, hoje há apenas 50. Nada está sendo poupado, nem mesmo as escolas ou centros de assistência social”, relatou o líder cristão Agostinho Akpen, que responsabiliza as autoridades pela falta de proteção e segurança aos cidadãos.

_____

Com informações de Portas Abertas

 


 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.