Blog Super

Morre evangelista Billy Graham aos 99 anos

Billy Graham faleceu em sua casa. De acordo com sua Associação, ele ministrou a Palavra de Deus em 185 dos 195 países reconhecidos pela ONU (Foto: REUTERS/SHANNON STAPLETON)

Morreu na manhã desta quarta-feira (21) o evangelista americano Billy Graham. O reverendo, que sofria de câncer, pneumonia e outras doenças, morreu em sua casa, em Montreat, Carolina do Norte (EUA), de acordo com Jeremy Blume, porta-voz da Associação Evangelística Billy Graham.

Graham se tornou conselheiro espiritual não oficial de vários presidentes dos Estados Unidos desde Harry Truman (1945-1953), além de ter encontrado com outros diversos líderes mundiais. Em 1983, o presidente Ronald Reagan deu a Graham a medalha presidencial da liberdade, a maior honra civil da América.

Veja também:
• Reflexão: uma vida feliz
• Sem 90% da visão, pastor vence barreiras e ajuda moradores de rua

De acordo com a Associação Billy Graham, o reverendo pregou em 185 dos 195 países reconhecidos pela ONU. Existe uma estimativa que 3 milhões de pessoas se converteram após ministrações de Graham. Em 60 anos de ministério, estima-se que ele tenha pregado pessoalmente para 210 milhões de pessoas.

Além das ministrações em congressos e eventos, Graham alcançou milhões através do seu uso pioneiro de transmissões de TV e rádio em rede, além de colunas diárias em jornais e revistas. “A mensagem de Graham não era complexa ou única, mas ele pregava com uma convicção que conquistou o público em todo o mundo”, escreve o jornal The Guardian.

“Foi provavelmente o líder religioso mais importante do seu tempo”, comentou à Reuters William Martin, autor da biografia “A Prophet With Honor: The Billy Graham Story”. Graham se tornou um defensor, na década de 1950, de congregações racialmente integradas. Ele também, desde 1955, apareceu no ranking da Gallup dos homens mais admirados pelos norte-americanos mais de 60 vezes.

Quem foi? 

Billy Graham nasceu em Charlotte, Carolina do Norte, em 1918, participou (brevemente) do Colégio Bob Jones, formando-se na Florida Bible Institute, perto de Tampa, e Wheaton College, em Illinois. Ele foi ordenado ministro na Igreja Batista do Sul (1939), pastoreou uma pequena igreja em Chicago e pregou em um programa de rádio semanal. Em 1946, ele se tornou o primeiro membro da equipe de tempo integral da Juventude para Cristo e lançou suas campanhas evangelísticas. Por quatro anos (1948-1952), ele também atuou como presidente das Escolas do Noroeste em Minneapolis. Suas reuniões de tenda evangelística de 1949 em Los Angeles o levaram a atenção nacional, e suas reuniões de 1957 em Nova York, que preencheram o Madison Square Garden por quatro meses, o estabeleceram como uma presença importante na cena religiosa americana.

 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.