Adolescentes carentes estão mais obesos e mesmo assim desnutridos

Um estudo realizado por pesquisadores da Escola de Nutrição da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e do Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde da Fundação Oswaldo Cruz da Bahia (Cidacs/Fiocruz Bahia) mostrou que os adolescentes brasileiros, das faixas mais carentes, estão mais obesos e ainda assim, sofrem de desnutrição. Assista o vídeo e entenda essa situação pelo ponto de vista do endocrinologista Fábio Oliveira:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *