São esperadas três mortes a cada 100 mil lipoaspirações, de acordo com dados da Vigilância Sanitária Americana

  • Nenhum comentário
  • Vídeos

Você sabia que o Brasil é o segundo país que mais realiza cirurgia plástica no mundo? Pois bem, a lipoaspiração está entre os dez procedimentos mais procurados no país e carrega, como toda cirurgia estética, alguns riscos. O cirurgião geral Fernando Neto dá algumas dicas para evitar problemas na hora da cirurgia e, também, no pós-operatório.

Veja também:
• Tratamento tardio do siso pode causar problemas além dos odontológicos
• Você sabe o que é medicina integrativa? Saiba os benefícios

De acordo com Neto, buscar informações sobre indicações, pesquisar a formação do médico realizador da cirurgia, pesquisar os índices de qualidade do local e, por último mas não menos importante, realizar um rigoroso risco cirúrgico cardiovascular e respiratório são pontos fundamentais para evitar qualquer tipo de desconforto ou problema.
Assista:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *