Professora apresenta flauta transversal: “Exige um preparo muito grande”

  • Nenhum comentário
  • Vídeos

Desde criança, Sandra Alves foi incentivada a entrar no universo musical. Seu pai, Adenôncio Alves, tocava trombone na banda da Polícia Militar e, aos nove anos, ela decidiu estudar música na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Desde então, sua história com a música tem sido construída e fortalecida cada dia mais. Hoje, Sandra faz parte da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais e toca flauta transversal.

Veja também:
• “Dentro da cela tive meu verdadeiro encontro com Deus”, afirma cantor que foi restaurado através de programa da REDE SUPER
• “Meu maior ministério é ser a palavra de Deus aonde quer que eu vá”, conta cantora

Assista: